Barista e Sommelier

Cafeína e performance: O café da manhã dos atletas

Sabemos que uma boa xícara vai bem a qualquer hora do dia. Mas há um momento em que o grão é sempre presença confirmada: o café da manhã. Só que, para quem pratica esportes, a primeira refeição diária precisa de muito mais do que uma bela dose da nossa bebida predileta para ser completa.

olimpiadas-cafe-manha-atletas

“O desjejum de um atleta pode e deve ser completo, incluindo fontes de carboidratos complexos, proteínas e fibras. Porém, as porções são diferentes de indivíduos não-atletas, visto que a demanda energética e proteica é diferenciada”, afirma Bruna Angelo Barreto, nutricionista-chefe do Hospital Niterói D’or.

Como sugestão para o café da manhã de quem pratica esportes, a nutricionista indica alguns alimentos: iogurte natural desnatado misturado com frutas e granola light, leite desnatado batido com banana e aveia, queijo branco light, tapioca e suco de laranja formam uma refeição ideal para começar bem o dia. Já os alimentos ricos em gorduras saturadas, como margarina e frituras, devem ser evitados.

E sobre o grão? A nutricionista conta que a cafeína é uma substância estimulante do sistema nervoso central, que aumenta a disposição para a prática de atividades físicas. “Ela altera o limiar de esforço e retarda a fadiga, o que permite que o atleta mantenha o nível de performance por mais tempo. Além disso, aumenta a concentração e acelera o metabolismo”, afirma ela. São muitos benefícios para a performance esportiva!

E assim como a cafeína é benéfica de forma diferenciada em cada modalidade, o café da manhã do atleta pode variar de acordo com a atividade que ele pratica. Profissionais de corrida, por exemplo, necessitam de mais carboidrato, que aumentam a disponibilidade energética. Já os atletas de força contam com as proteínas como principais fontes de energia no plano alimentar, pois além de ajudar no rendimento durante o treino, também auxiliam na recuperação muscular pós-treino.

E não se esqueça: durante o sono, somos submetidos a um jejum de muitas horas, e é importante repor as energias perdidas. Então mesmo que você não seja um atleta olímpico, capriche no café da manhã!

Por: Monalisa Briganti

Escrito por Mexido de Ideias em Barista e Sommelier

Últimas postagens

Comente