Tipos de café #3: Café Solúvel

O café solúvel surgiu como uma solução prática e rápida para quem gosta de café, mas não tem muito tempo para se dedicar ao ritual que a bebida geralmente exige. O preparo é simples: misture água quente com o café e mexer. Não há necessidade de filtrar, nem de lavar diversos utensílios. Outra combinação habitual para o solúvel é misturar ao leite e obter a cremosidade do café com leite que tanta gente gosta.

soluvel 1 tratada   Tipos de café #3: Café Solúvel

Existem algumas versões não oficiais sobre o surgimento deste produto no mercado. De acordo com o site Danton Medrado, o café instantâneo surgiu de uma demanda do exército norte americano em 1838 na época em que o rum foi substituído pelo café. Bastante sagaz o exército, trocar uma bebida alcoólica por outra estimulante e sem os efeitos inebriantes!

Alguns problemas técnicos foram detectados durante esta fase de transição e, por isso, um extrato de café foi criado para facilitar seu preparo. Acredita-se que esta foi a primeira tentativa de se fazer café solúvel. Um dos nomes responsáveis por bons resultados em busca de um café prático e rápido é o químico japonês radicado em Chicago (EUA), Satori Kako. “Em 1901, ele inventou um café em pó instantâneo que foi vendido na exposição Pan-americana de Nova Iorque. Em 1906, o químico norte-americano G. Washington adaptou a idéia de Kako e criou um solúvel refinado, que foi comercializado em grande escala” (fragmento retirado do site Danton Medrado).

Já o site da revista SuperInteressante dá uma versão mais brazuca. Pressionados pelo excesso de produção do grão e a queda dos preços no mercado internacional, produtores brasileiros na década de 20 buscavam uma alternativa para conservar o café bom por mais tempo sem afetar seu sabor. A ideia era fabricar cubos de café.

A partir desta necessidade, a indústria brasileira recorreu à empresas na Suíça, em 1937, para desenvolver o produto e, foi o químico Max Morgenthaler que conseguiu a proeza. “Na Europa foi um estouro, mas sua composição contava com alguns adititivos. Considerando que a lei brasileira proíbe o uso de outros ingredientes no café solúvel, o produto (cuja composição é água e café, somente) foi lançado no mercado brasileiro apenas em 1953.

Independente de quem realmente teve esta ideia brilhante, o café solúvel foi e continua sendo um sucesso!

Escrito por em Curiosidades

Tags: , , , , , ,

Deixe seu comentário




Receitas


Receba nossos posts por email!

SEU EMAIL:





Histórias em xícaras

Queremos conhecer a sua xícara e contar sua história. Participe do nosso museu!

Envie sua foto
Sobre o Mexido

Um cantinho gostoso para tomar um bom café e testar uma boa receita. É isso que o Mexido de Ideias quer oferecer para seus leitores. Em nosso cardápio, temos informações expressas para quem não tem tempo; cappuccinos de curiosidades para amantes da bebida e muita troca de experiências para aqueles que dispõem de tempo para saborear uma boa xícara de café e ver a hora passar.

Conheça toda a equipe
Arquivo de posts