Cafeína e performance: Os efeitos em cada esporte

Nós já mostramos aqui que uma xícara do nosso grão favorito oferece muitos benefícios para a performance de um atleta. Mas como cada esporte exige esforços diferentes, as vantagens do consumo da cafeína também variam de acordo com a atividade.

cafeina-performance-efeitos-esporte

Nos Jogos Olímpicos, o que não faltam são modalidades esportivas: Atletismo, judô, vôlei e ciclismo são apenas algumas das 42 categorias que serão disputadas no Rio 2016.

Mas como a cafeína pode fazer diferença em cada uma delas?

Nos esportes de resistência, em que o atleta realiza esforços durante um longo período de tempo, a cafeína atua melhorando a performance em dois pontos principais: a redução da percepção de fadiga e o aumento da função cognitiva, como a atenção e a memória.

Esses benefícios são extremamente importantes nos esportes individuais, como golfe e natação, e também nos coletivos, como o futebol. Afinal, uma equipe é formada por diversos indivíduos, e a performance de cada um tem influência direta no desempenho do time – e no resultado da partida.

Já nos esportes de força, como o levantamento de peso, a cafeína também é bastante benéfica. Por potencializar a contração muscular e ajudar no aumento da tolerância à dor, ela colabora com os praticantes das atividades mais intensas.

E assim descobrimos mais um benefício incrível da cafeína: O poder de juntar a paixão pelo esporte com a paixão pelo grão – e ainda oferecer diversas vantagens dessa união!

Por: Monalisa Briganti

Escrito por Mexido de Ideias em Saúde