Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso site. Você pode saber mais sobre isso em nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

CONTINUAR E FECHAR
Oferecido por

Avolatte: O café na casca de abacate

Você já ouviu falar sobre o Avolatte? Venha entender como o café na casca de abacate virou febre nas redes sociais!

Nós já vimos por aqui que os millennials adoram café e têm inovado nas formas de consumir a bebida. Conhecer novas cafeterias também é um costume dessa geração – e, além de experimentar diferentes receitas, eles não se esquecem de tirar aquela foto para o Instagram!

Essa forma de consumir cafés gerou uma declaração polêmica de Tim Gurner, um milionário australiano. Ele falou sobre como os jovens deveriam “parar de gastar dinheiro com abacates e cafés caros e começar a economizar para a compra do primeiro imóvel”.

E foi aí que uma cafeteria em Melbourne, na Austrália, fez uma criação bem diferente.

Essa invenção é o avolatte. E que seria isso? Nada mais do que um café latte servido na casca do abacate.

Em entrevistas à imprensa, o criador Jaydin Nathan, do Truman Cafe, diz que o avolatte foi uma forma divertida de se rebelar contra as gerações mais velhas – que dizem que os jovens não comprarão uma casa porque gastam muito dinheiro em abacates e cafés. Uma resposta e tanto para Gurner!

O que os australianos não esperavam é que essa brincadeira fizesse tanto sucesso! Agora o avolatte virou tendência e outros baristas estão postando fotos de suas tentativas de preparo da bebida.

Você pode conferir algumas através da hashtag #avolatte no Instagram, além de acompanhar vários comentários no Twitter sobre o assunto:

E agora tem gente servindo a bebida até na casquinha de limão: o lemonlatte.

E você, o que acha? Os millennials foram longe demais ou vale a pena preparar (e experimentar!) um avolatte?

Receitas

Picolé de abacate com chá de hortelã

Sorvete-de-Abacate-com-cha-de-hortela
Receitas

Salada de abacate

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *