Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso site. Você pode saber mais sobre isso em nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

CONTINUAR E FECHAR
Oferecido por

Nova tecnologia para a poda do café arábica

Nova técnica, que já era utilizada para outros tipos de café, aumenta muito o rendimento e até a produtividade da plantação.

A ciência (mais uma vez) está em sintonia com o café! E desta vez em solo nacional. Uma nova tecnologia de poda dos pés do cafeeiro, desenvolvida há seis anos pelo Instituto Capixaba de Pesquisa e coordenada pela Embrapa Café, já apresenta um aumento da produtividade da plantação em aproximadamente 35% – e uma redução de 50% da mão-de-obra necessária para o processo.

Chamada de Poda Programada do Café Arábica, a técnica pode aumentar de 5 a 7 para 12 a 14 os sacos diários colhidos no espaço de um hectare. A nova tecnologia ainda ajuda na uniformidade da maturação e diminui a bienalidade – isto é, quando uma plantação produz mais em um ano do que no outro.

“Com a aplicação da técnica, a lavoura fica mais limpa e arejada, o que leva a menores incidências de pragas e doenças, como a ferrugem, por exemplo. Dessa forma, o custo de produção é menor”, diz Abraão Carlos Verdin Filho, coordenador do projeto.

O objetivo dos pesquisadores agora é ampliar o projeto para outras regiões produtoras dentro do Estado do Espírito Santo. A intenção é levá-lo para cerca de 30 municípios que produzem o café arábica, para que a técnica seja validada em outros tipos de terreno e altitudes.

Ao que parece, a nova tecnologia tem agradado produtores, já que facilita o processo e aumenta a produtividade. Segundo as instituições de pesquisa, esta nova poda é recomendada, por enquanto, no estado do Espírito Santo.

Já estamos na torcida para que o projeto dê certo em todo o País, trazendo mais praticidade e, claro, desenvolvimento para quem produz!

Por: Lucas Tavares

coffeelover

Jack Daniel’s lança café com sabor de whisky

Mercado

Brasil bate recorde de produção de café em 2016

Mercado

Catálogo online mapeia espécies de café arábica

5 respostas para “Nova tecnologia para a poda do café arábica”

  1. valentinajacome disse:

    Que fantástica estes avanços tecnológicos. Gostei muito deste post.Obrigada por dividir.

    • Mexido de Ideias disse:

      Olá, Valentina. Tudo bem?
      Muito legal, não acha?
      As novas tecnologias estão trazendo muitos avanços para os produtores.
      Obrigado pelo comentário, volte sempre.

  2. Feis Aguilar Amado disse:

    boa noite, gosto muito da plantação de café(o cafezinho coado incluso), minha pergunta, o tipo de café arábica não é cultivada no brasil em maior escala, por menor produtividade que o robusta, ou por uma menor resistência a pragas?.

    • Mexido de Ideias disse:

      Olá Feis, como vai?
      Não entendemos muito bem a sua questão. O café do tipo arábica é o mais produzido em território brasileiro, chegando a ter 70% deste parcela.
      Pode nos explicar melhor sua dúvida?
      Abraços e até a próxima.

  3. jarbas disse:

    Boa Tarde

    Moro na regiao de Sorocaba temos uma industria de embalagens e estou pensando em diversificar meu negocio, e estive vendo a plantacao de café Arabica, inclusive com as novas formas de colheita aonde reduz o custo com mao de obra, e com isso talvez falicite a entrada de pessoas sem conhecimento no Mercado, aonde poderia ler um pouco mais sobre o plantio de gostaria de saber se a regiao de Sorocaba e boa para o plantio?

    obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *