Tipos de Café #1: Do Longo ao Ristretto

Barista

Os nomes variam e a gente se perde. Você sabe, por exemplo, a diferença entre um café americano e o carioca? O termo pode nos remeter aos Estados Unidos e ao Rio de Janeiro respectivamente, mas no fim, suas características são bem parecidas: ambos contam com a adição de água quente.

Pesquisamos e compilamos informações de especialistas para esclarecer as reais diferenças entre os tipos de café servidos. Neste post, focamos naqueles que servem a bebida pura, sem adição de outros ingredientes.

Café Curto
Café Curto

Café expresso de 25 a 35 ml na xícara de 50 ml. Ele é mais encorpado, pois o contato com a água durante sua extração é rápido e, por isso, seus óleos essenciais estão mais presentes.

Expresso
Café Expresso

É o café curto. Apresenta 25 a 35 ml na xícara de 50ml. É mais encorpado, pois o contato com a água durante sua extração é rápido e, por isso, seus óleos essenciais estão mais presentes.

Ristretto
Ristreto

É o expresso curtíssimo com 15 a 20 ml de volume e é servido na xícara de 50ml. É considerado o néctar do café e, por incrível que pareça, é extremamente doce se bem tirado.

Expresso Brasileiro
Expresso brasileiro

Apresenta 40 a 50 ml (xícara cheia). Ele é servido com mais café, pois a cultura brasileira está habituada com quantidade e não qualidade. Enquanto o Brasil tem o padrão de 50ml de expresso, outros países adotam no máximo 30ml de café para não perder ou enfraquecer a presença dos óleos essenciais.

Espresso Italiano
expresso italiano

Considerando a quantidade de café (25 a 35ml), ele se parece com o café curto e o expresso, mas, muitas vezes, a diferença está no blend. De acordo com a barista Cecília Sanada, ele é bem cremoso devido à mistura dos grãos robusta e arábica, o que resulta em um café com corpo mais aveludado.

Café Carioca
Café Carioca

Apresenta 25 a 35 ml de café (assim como o expresso e o curto), mas é diluído em 20ml de água quente.

Café Longo
Café longo

Xícara de 50ml cheia com café ou, em alguns casos, conta com a adição de água quente. Indicado para quem gosta de tomar muito café, mas não se importa muito com a qualidade. Lembrando que o néctar do café está nos primeiros 30mls.

Café Americano
Café Americano

Apresenta as mesmas características que o café carioca e longo: café diluído em água quente, podendo apresentar 50ml ou mais. Recebeu este nome, pois o consumidor norte-americano gosta de tomar bastante café, mas com sabor menos acentuado.

Cafezinho
cafezinho

Café coado que lembra infância. Geralmente é servido doce, mas isso não é uma regra. Trata-se de um café bem concentrado, que é filtrado e servido na xícara de 50ml. De acordo com a especialista em cafés, Cleia Junqueira, o nosso “cafezinho” é o mais concentrado do mundo.

“Chafé”
chafé

Gíria popular para definir um café com pouca concentração de pó, resultando em uma bebida mais fraca. Este termo geralmente é usado para denegrir um café mal feito.

Escrito por Kelly Stein em Barista