Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso site. Você pode saber mais sobre isso em nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

CONTINUAR E FECHAR
Oferecido por

Chemex – café coado de forma diferente

O nome pode ser diferente, mas a base da técnica é a mesma usada pela sua vovó. Assim como a Hario V60 (que já falei aqui), a Chemex faz o café coado de uma forma diferente.

O nome pode ser diferente, mas a base da técnica é a mesma usada pela sua vovó. Assim como a Hario V60 (que já falei aqui), a Chemex faz o café coado de uma forma diferente. Seu filtro de papel grosso é dobrado em forma de cone que, depois de encaixado na garrafa e aberto, forma uma parede tripla em um dos lados. Este é o detalhe que faz toda a diferença!

De acordo com especialistas, o café fica mais leve e não apresenta nenhum tipo de resíduo. Usando o termo técnico, a xícara fica limpa. Aquele pozinho que às vezes passa pelos filtros de papel convencionais desaparece. Quando tive oportunidade, provei para me certificar de que era tudo aquilo mesmo e era! O paladar não identifica pó de café e se concentra somente no sabor. Infelizmente, não se encontra café feito na Chemex com tanta facilidade. Quando a encontra em algumas cafeterias, o preço da xícara ainda é um pouco salgado.

Por ser uma técnica pouco utilizada e conhecida aqui no Brasil, muitas pessoas acreditam que ela é novidade/inovação, mas não é. A chemex foi criada em 1941 nos Estados Unidos por um químico alemão, o senhor Peter J. Schlumbohm. Já faz um tempinho, não acham?

Eu já havia a encontrado em uma época que nem dava muita importância para o café, há 5 anos. Foi durante um inverno de Nova York, de Nova Jersey para ser mais exata, que eu a vi pela primeira vez. Uma amiga francesa especialista em cafés, Genevieve Kappler, preparou a bebida na garrafa diferente e me ofereceu. Estranhei, aceitei, experimentei, gostei e esqueci. Tempos depois eu vi a mesma garrafa em um episódio do seriado norte americano Friends. Neste vídeo divertido, Rachel fica feliz ao descobrir que conseguia fazer café (ou pelo menos ela achou que sim). Nunca dei atenção para a tal garrafa diferente até outubro de 2011, quando me apresentaram novas formas de se fazer e pensar o café coado.

Para os curiosos de plantão, confira os vídeos abaixo que mostram esta belezinha fazendo café na prática.

Intelligentsia Chemex Brewing Guide from Intelligentsia Coffee on Vimeo.

Imagem: Divulgação.

Bebidas

Como Fazer Café?

Bebidas

Café gelado com jabuticaba

Cultura

Daniel Bovolento: café, crônicas e amor

7 respostas para “Chemex – café coado de forma diferente”

  1. Maria R Silva disse:

    Onde posso compraro coador de papel dobravel para a Chemex?

  2. Magnífico post! Adorei! Parabéns!

  3. Gabriel disse:

    Gostaria de saber se após feito o café em uma chemex, a mesma mantém a alta temperatura, podendo assim, ser levada à mesa de café sem grande diferença de uma garrafa térmica.

    • Eduardo disse:

      Gabriel,
      A chemex não segura temperatura como a garrafa térmica… É um método feito para extrair poucas xícaras por vez e para servir na hora! Algumas chemex fazem até 6 cafés de uma vez, para serem servidos logo após a coagem.

  4. […] diversos tipos de filtragem, incluindo aquela feita com filtros de pano; o uso da cafeteira Chemex, que utiliza um filtro de papel reforçado e uma jarra de vidro; a extração de café a frio com a […]

  5. […] diversos tipos de filtragem, incluindo aquela feita com filtros de pano; o uso da cafeteira Chemex, que utiliza um filtro de papel reforçado e uma jarra de vidro; a extração de café a frio com a […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *